CORREIO traz a lista completa baseada em levantamento realizado pela Ademi- Bahia

Promoção! Desconto! Oportunidade! Essas palavras são tentadoras e chamam atenção de quem quer comprar a casa nova para morar. E, quem tem interesse em adquirir um novo imóvel em Salvador ou Região Metropolitana tem pelo menos oito mil unidades disponíveis no mercado - dessas 7.357 são na capital. O CORREIO traz, nessa edição, a lista completa baseada em levantamento realizado pela Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário da Bahia  (Ademi- Bahia).  “Cerca de 13% desse total é de unidade pronta. A maioria dessas unidades ainda está na planta ou em construção”, explica o presidente da Ademi,  Luciano Muricy. 

O número de unidades em ofertas é alto, principalmente pelo baixo número de lançamentos que ocorreram nesse ano: só 841 unidades novas no primeiro semestre. “Estamos vivendo um momento onde, por conta da situação econômica, as pessoas estão mais retraídas para comprar imóvel e isso impactou no volume de vendas. Por esse motivo, é um bom momento para comprar imóvel agora, pois a tendência é em função da redução da oferta pelo menor número de lançamentos aumentar o preço se a procura seguir alta nos próximos dois anos”, destaca. 

Apesar da grande oferta, o presidente da Ademi acredita que não haverá uma mudança nos preços - a exceção de eventuais ofertas de empresas em ações promocionais. “As empresas maiores tendem a fazer promoções para reduzir essa oferta”, completa. 

O corretor de imóveis Valter Santana argumenta que esse período do ano é favorável, principalmente, para quem quiser comprar uma unidade habitacional. “Quem tem pressa para morar pode usar esse momento do mercado para conquistar a casa própria. As empresas tendem a fazer promoções e facilitar a compra em função do alto número de unidades disponíveis”. 

Santana, porém, destaca que é fundamental para o comprador fazer uma ampla pesquisa da empresa e situação da obra antes de decidir pela compra. “Tem que checar o projeto, consultar a situação da obra, visitar a construção. O consumidor deve tomar o máximo de cuidados e buscar o maior número de informações sobre o empreendimento que pretende comprar a casa ou apartamento”, indica.